Missha Perfect Cover No Brasil

A Missha, tradicional marca coreana de beleza, chegou no Brasil com um BB Cream suuuuper famoso. Por um desses deslizes da vida, eu nunca tinha testado o Missha Perfect Cover FPS 42. Quem acompanha o site sabe que eu aaaaamo cosmético asiático e que só e somente uso bb cream e filtro solares coreanos ou japoneses. A Ferraz Assessoria me enviou o Missha Perfect Cover FPS 42 para testar e eu vou contar aqui o que eu achei.

Sem suspense, eu amei. Amei, amei, amei, tô há duas semanas só usando ele, to super viciada. Pontos positivos: alta cobertura, rende horrores, cheio delícia (sou super, mega, master chata com cheiro) e acabamento bem invisível. Ele cobre bem minhas olheiras, não acumula nas ruguinhas e nem sinto craquelar ao longo do dia. Eu não vou saber dizer se ele é sequinho/matte porque, eu seeeeempre uso o filtro solar Bioré Perfect Face Milk por baixo. Esse filtro solar seca a base mais oleosa do planeta, se for preciso — já fiz post sobre ele aqui, aqui, aqui). Mas, como tudo que é asiático, sei que ele não é oleoso, pode não ser matte, deixar brilho na pele, mas oleoso certamente não é.

O único cuidado que eu acho que vale ter é: pesquisar bem a cor (a minha é N0.21 e eu sou NW20 na MAC) e usar pouca quantidade de produto porque reeeeende, espaaaaalha. Uma gota já cobre o rosto todo, se vc passar demais vai ficar transferindo, então vai com calma. Aliás, base/bb cream é sempre assim: passa um pouco, achou pouca cobertura? Faz uma segunda camada também fina. Não dá pra querer resolver tudo de uma vez passando uma tonelada de produto, fica horrível, não funciona. Sobre a proteção solar, acho mais que suficiente para usar no dia a dia sem nenhum outro filtro, eu, que sou neurótica, uso sempre dois produtos com proteção solar, não existe na minha vida usar só um BB Cream, mas eu não sou parâmetro… 😉

missha perfect cover

usando apenas o bb cream missha perfect cover (sem pó, sem base, nem nada por cima).

Comparando com o BB Cream da Bioré que eu também amo (e fiz post sobre ele aqui), o Missha tem uma cobertura muito maior, substitui a base com tranquilidade. O da Bioré, não, ele é pra quando a gente quer, realmente, a estética ‘cara lavada’, hehe. O da Bioré deve ser mais sequinho, porque ele é uma versão com cor do Aqua Rich, que não é o Perfect Milk mas é bem sequinho também.

Eu ganhei, mas no Brasil ele está sendo vendido por R$178,0 no site da marca (achei caro!). O Bioré não vende aqui, oficialmente, mas eu compro sempre da Vânia Cosmetics.

Comente no facebook

comentários