Diário – 23 Semanas

[veja também a semana 21 e a semana 22. tem também o quarto mês, o terceiro mês e o segundo mês de gravidez].

E, seguindo o diário de grávida – que, na verdade é semanal, hahaha – vamos à23º semana de gravidez.

Eu tenho muita sorte, não posso reclamar! Sou uma grávida que não sente nenhuma dor, durmo feito uma pedra e até a azia melhorou! Eu ainda consigo deitar de barriga pra cima, levantar rápido, amarrar o sapato (dizem que em breve acaba essa moleza!) e tô zero inchada. Acho, sinceramente, que a auto drenagem tem ajudado.

Há umas semanas eu comecei a notar que se caminho rápido demais tenho falta de ar. Super normal e nada também que me faça muita diferença na vida… Realmente, esse segundo trimestre de gravidez é muito mais legal! :))

Tô jurando que essa gravidez tranquila é fruto de um Miguel super fofo e querido, bem menino legal e do bem, hahaha. Além de guloso (acabo de comer e ele saltita na barriga, é muito engraçado!) ele vai ser dorminhoco também, tipo eu. #oremos

diário de gravidez 23 semanas 0diário de gravidez 23 semanas 1Vestido Free People / Sandália Luiza Barcelos

Curiosidades

Miguel se mexe MUITO desde as 17 semanas. Na verdade, a frase certa é: eu sinto desde as 17 semanas. Nem tava esperando quando, depois de um picolé de limão (hahaha tadico do meu filho!), deitei de barriga pra cima e senti um negócio muito louco na barriga. Não era um chute, parecia uma borboleta batendo asa! Muito fofo! Logo depois o Rapha já conseguia sentir também e essa semana o Mingau também sentiu. Hahahaha. Eu juro! Mingau tava dormindo em cima da minha barriga e Miguel devia estar sambando pra justificar tanta movimentação. Logo depois de um super chute, Mingau abriu os olhso e deu uma miadinha… e eu chorei. Tô grávida emotiva, gente, choro até com comercial de margarina, um mico! 😛

Outra coisa engraçada é que eu falo com o Mingau: ‘filho vem dar oi pro seu irmão’ e ele vem. Quem tem gato sabe, eles simplesmente ignoram a gente, ignoram nossos chamados e fazem só o que querem. Mas Mingau anda numa fofura irresistível! É isso, se no início ele ficou meio de bode e fez greve de fome (eu contei isso aqui? se não, me avisem e eu conto semana que vem! Tô muito desmemoriada!) agora ele tá super fofo e carinhoso. Graças a deus, tudo na maior paz por aqui!

Já compramos: berço e cômoda. Miguel já tem armário, carrinho, jumperoo, cadeirinha pro carro, moisés pra dormir o primeiro mês do meu ladinho, um mooonte de roupas, um moonte de sapatos, milhões de mamadeiras, chupetas, coisas de banheiro (até escova de dente! haha), pomadas e mais mil balangandãs. Eu prometo, juro, garanto que farei um post sobre o enxoval. Eu fico esperando terminar mas eu acho que só acaba quando Miguel completar 18 anos, hahahaha. Vou me organizar pra postar logo tudo que eu já comprei, tudo que falta e, um dia, eu posto tudo que usei e o que foi inútil.

Esquisitices

Tô depilando a barriga, gente. [Pausa pra vocês rirem muito de mim].

Explico: eu sempre tive uns pelinhos finos na barriga [sou meio peluda, haha] e eles aumentaram na gravidez [vidaloka dos hormônios!]. Aliado a isso, minha pancinha nunca foi tão acessada, tão fotografada, tão aparecida em público. Portanto, tô depilando. Dói um pouquinho mas não é nada absurdo e é bem rápido porque é uma área pequena – ainda. Como depilo com cera começa a crescer bem fininho e não fica estranho… recomendo pra quem também se incomodar.

Não tenho aquela listra embaixo do umbigo que as grávidas costumam ter. Fico feliz? Fico triste? Não penso sobre isso?

Alimentação/ Corpitcho

Tenho sentido menos fome, minha digestão não está das melhores e pre-ci-so me acostumar que cabe menos comida na minha barriga que há algumas semanas. Ainda não me acertei com isso. Continuo comendo muito doce – desisti, gente, abracei a jaca! Continuo tomando suco verde e comendo muita fruta – pelo menos.

Engordei, so far, 5,5kg e sei exatamente porque comprei uma balança de banheiro. ME JULGUEM! Hahahaha. Não resisti! Achei bom porque aí consigo controlar um pouco mais de perto, melhor tomar um susto antes de chegar na médica, né? (que super controla meu peso e me dá bronca). Pelo penso, até lá, em uma desculpa pra justificar a comilança, haha. Comecei agora a sentir as pernas bem mais grossas, os braços um pouquinho mais flácidos #realidades e a celulite chegando com força. Dá pra ver com clareza o corpo acumulando gordura de um jeito diferente, de proteção pro bebê, mesmo. E continuo usando vestido curto, short e não ligo, não acho que celulite seja razão pra se esconder.

Dica de Consultoria

Eu vou falar mais profundamente sobre o assunto, mas eu já adianto que vestido assim larguinho é legal porque é super confortável.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.