Dica Rápida do Dia: Parque Burle Marx

Eu amo morar onde eu moro maaaaas, não curto o único parque que tem aqui perto (Parque da Água Branca). Eu gosto da feira de orgânicos que tem lá, mas de-tes-to o café da manhã e aí, acho que por isso, eu tomei birra, hahaha. Fora que não sei, não vou com a cara… acho cheio, muvucado, é implicância, mesmo. Confesso.

Portanto, Rapha e eu (além do espírito naturalmente turístico de querer conhecer tudo) vivemos em busca de outros parques pra chamar de nosso. O último amor tem sido o Parque Burle Marx, que fica looooooonge da minha casa mas no domingo, sem trânsito, super rola.

parque burle marx 1Fotos que eu fiz da primeira vez que fui lá – e a da direita em cima é roubada da internet. 😛

Brevemente sobre o parque: Os jardins do parque foram projetados por Burle Marx (óbvio!), e lá ainda possui resquícios de mata atlântica (vamos ver quanto tempo ainda dura!). Tem uns caminhozinhos super no meio do mato, ótimo pra fazer trilha – nível facílimo/iniciante/thais. Hahaha. Eu amo-amo-amo a caminhada que rola lá. É curta – em 25 minutos você dá uma volta completa no parque todo, mas vale uma segunda volta pra aproveitar um pouquinho mais. Nem parece SP. Meu único bode do lugar é que lá não pode: patins, bicicleta, bola (mas sempre tem!), skate e sei lá mais o quê.  Mas tem uma área de piquinique – que é feia, bem na entrada do estacionamento – mas eu JURO que to o resto vale muito a pena e é uma delícia! Gosto de ir cedo e nunca peguei o parque lotado à lá Ibirapuera, aliás, nem perto disso!

parque burle marx 2Fotos em péssima qualidade feitas ontem! Legging Track and Field (amor eterno, amor verdadeiro), tênis Nike, blusa Gap.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.