Sobre Viajar

a Paula, do LiveOnBeauty, escreveu um texto sobre a relação dela com as viagens. Super legal! :))

paula liveonbeauty sobre viajar

Viajar sempre foi importante na minha vida. Desde mais nova gostava de ir para a Chapada dos Veadeiros ou para qualquer outro lugar que me tirasse do universo de Brasília. Foi assim que decidi ir embora para a Alemanha. Estiquei as férias, resolvi largar jornalismo e ir para a Alemanha explorar as cervejas e a língua. Depois de 6 meses na Alemanha, viajando pelas cidades históricas – ah, eu amo História, daqui a pouco chegamos nesse ponto – a cidade onde Karl Marx nasceu, do Bethoven, os locais da primeira e da segunda guerra…. ai como eu fui me apaixonando  por esse país frio e distante, de pessoas que realmente se alimentam de batata – na maioria das vezes.

Eis que a temporada na Alemanha me deixou com frio, com vontade de ver o calor, e eu decidi ir para Israel. Foram quase três meses viajando na terra sagrada. Eu estava lá durante a guerra do Líbano em 2006, mas não deu para sentir nada além das notícias vindas da TV e da internet. Israel é um dos países mais bonitos do mundo! Eles têm o mar mediterrâneo, o mar morto e o mar vermelho, tudo isso em uma área super-micro! Então dá para entender porque eles não deixam aquele lugar… Brincadeiras a parte, eu digo e repito que adoraria passar uma temporada morando em Israel. A segunda vez que fui, em 2009 foi tão rápida que quase não consegui voltar pra Berlim! Quando em Israel deem um jeito de visitar o Sinai, mesmo que os israelenses tenham medo. Vale a pena, o deserto é lindíssimo. E tente dar um pulinho na Jordânia o uno Egito dependendo do tempo que você tem para viajar.

Depois de Israel veio Cambridge, quase um mês no outono inglês. Fiquei um tempo, voltei ao Brasil, voltei pro cursinho, e surtei! Surtei porque é impossível voltar a fazer cursinho depois de ter viajado um ano. É impossível voltar para a cidade onde nada muda!

Acho que já era Março do 2007 quando fui para a Alemanha mais um vez. Os dois meses no Brasil haviam me bastado, dessa vez a missão era passar na prova da Universidade de Potsdam para estudar História. Isso tudo, com todos os problemas de visto de que eu tive, só me fizeram passar 3 meses fora da União Européia. Eu já tinha namorado, amigas, escola de alemão – só faltava mesmo o visto, então decidi esperar por ele na India. Foram três meses no país mais incrível do mundo. Na verdade, a viagem foi com a Finnair então eu dei uma passada em Helsinki, na Finlândia para depois voar para Mumbai. Eu amei a  India! São tantas as cidades e tantas as coisas que valem a pena serem vistas que eu poderia voltar mais umas 50 vezes pra lá – aliás, quero voltar em Novembro. Enquanto na India consegui minha carta de aceite da Universidade de Potsdam, onde eu começaria a cursar Relações Internacionais. Curti o resto da viagem que foi incrível, fui do norte ao Sul, fiquei mais tempo do que queria em Goa, bebi agua da torneira, dormi na rodoviária… fiz de tudo! Mas voltei de alma limpa para a Alemanha.

Morar em Berlim foi uma experiência maravilhosa, tanto que pretendo voltar em outubro, quando meu diploma fica pronto. Eu amo aquela cidade. Andar de bicicleta no verão, caminhar pelo silêncio da cidade vazia invadida pelos ventos siberianos no inverno, descobrir um café ou uma esquina mágica… como eu amo Berlim. Acho que é lá que eu vou terminar ficando, acho que Berlim é perfeita. Morando em Berlim teve Europa, Republica Tcheca, Croácia, Eslováquia, Polônia ,França, Itália, Inglaterra, Áustria, Holanda e Suíça. Teve também uma viagem curtinha, de um mês para a Tailândia e mais um monte de viagens para Hamburgo e Munique, e outras micro cidades que começam a fazer parte da sua vida porque as pessoas terminam arrumando empregos e se mudando… aí já viu…

 Esse ano vai ter Munique, Berlim, Oslo, se tudo der certo India!

3 comentários em “Sobre Viajar”

  1. Berlim é uma das minhas cidades preferidas no mundo porque consegue ser uma mistura super bem equilibrada de cultura alemã ocidental e oriental (morei um ano na parte da Alemanha que corresponde hoje à antiga DDR) com pitadas generosas de cosmopolitismo. É lá que pretendo fazer meu doutorado, se tudo der certo! Também piro muito no oriente médio, meu atual sonho é conhecer o Irã. Viajar é uma delícia!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.