Tv Mingau: Como Comprar Bem em Lojas Fast Fashion

Como prometido, eu fiz um TV Mingau dando todas as dicas que dou pra minhas clientes de consultoria sobre como comprar bem em lojas de fast fashion. 🙂

E sim, agora temos muitos vídeos por aqui, hahahaha, to super me animando a fazer sempre.

Ps: Não reparem meu batom borradinho? Só vi na hora de editar e aí achei que não valia gravar tuuuudo de novo, preferi deixar assim!

<3

Ah! Já já eu acrescento no post anterior (preferidos de agosto) os produtos que foram citados no vídeo. Muita gente pediu, vou fazer, podexá!

Curtam o canal e deixam um comentário! :*

4 comentários em “Tv Mingau: Como Comprar Bem em Lojas Fast Fashion”

  1. Thais, concordo com tudo que você disse! O segredo pra comprar bem em fast fashions é garimpar meeeeesmooo! É por isso que eu acredito que os sinônimos de uma compra boa são paciência e tempo. Se eu tiver pouco tempo pra procurar alguma coisa numa dessas lojas, eu nem começo. Rsrsrs Tem que ser chatinha mesmo, observar o detalhes da costura, se os botões estão firmes (bem pegadinhos) e ler na etiqueta as informações do tecido. Sabe uma outra coisa que eu já vi muito? Roupas sujas de batom ou base. Affff! A mulherada não toma cuidado na hora de experimentar e acaba sujando. É chato, né?
    Aaah, curti a trilha sonora do vídeo. É o som que mais tem tocado no meu carro. Hahaha!

    Beijão!

  2. Thais, amei. Algumas observações sobre como consumo fast fashion:
    – Claro que tem coisa cara.
    – Roupas pra trabalho são gingantes, pensam que magrinha não trabalha, só pode.
    – Roupa “formal” é muito cara nessas lojas que conheço, sendo que você precisa de muitas pra trabalhar, então acho um contrassenso.
    – Gosto de ir comprar por categorias tipo: estou procurando camiseta básica, ou bolsa, ou flat. Assim elimino as tentações.
    – As araras de “últimas peças” tem muita coisa legal.
    – Fujo das araras que tem um milhão da mesma coisa.
    – Peças de outras estações são maravilhosas pra compor looks atemporais. Evito estampas e tecidos que dizem de quando é a peça, tipo agora tá um tal de transparente que não aguento mais. Mas renda, poá e lã são eternos pra mim.
    – Tem que pensar sempre no que já tem em casa. Escolher coisas pensando em mudar de repente acaba encalhando as peças ou parecendo um Frankenstein.
    – Se for pra pagar “caro” que seja naquilo que não diz de que loja veio e que seja único. Camiseta branca tem que custar mesmo só dez reais, mas a jaqueta pode ser mais cara.
    Pra mim é assim. 😀
    Sugestão: coloca a música do vídeo mais baixinha, desconcentrou da sua fala. (Ô, leitora chata, hahaha)

  3. Thais, amei. Algumas observações sobre como consumo fast fashion:
    – Claro que tem coisa cara.
    – Roupas pra trabalho são gingantes, pensam que magrinha não trabalha, só pode.
    – Roupa “formal” é muito cara nessas lojas que conheço, sendo que você precisa de muitas pra trabalhar, então acho um contrassenso.
    – Gosto de ir comprar por categorias tipo: estou procurando camiseta básica, ou bolsa, ou flat. Assim elimino as tentações.
    – As araras de “últimas peças” tem muita coisa legal.
    – Fujo das araras que tem um milhão da mesma coisa.
    – Peças de outras estações são maravilhosas pra compor looks atemporais. Evito estampas e tecidos que dizem de quando é a peça, tipo agora tá um tal de transparente que não aguento mais. Mas renda, poá e lã são eternos pra mim.
    – Tem que pensar sempre no que já tem em casa. Escolher coisas pensando em mudar de repente acaba encalhando as peças ou parecendo um Frankenstein.
    – Se for pra pagar “caro” que seja naquilo que não diz de que loja veio e que seja único. Camiseta branca tem que custar mesmo só dez reais, mas a jaqueta pode ser mais cara.
    Pra mim é assim. 😀
    Sugestão: coloca a música do vídeo mais baixinha, desconcentrou da sua fala. (Ô, leitora chata, hahaha)

    1. Thais Farage

      Hahahahaha ótimos conselhos, e sim, todo mundo reclamou da música. da próxima vez vou tomar mais cuidado!

      beijinhos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.